Scroll Top

Terapeuta Ensina Potencializar Seu Relacionamento – É Grátis!

O poder do Tantra na Insatisfação Sexual Feminina

A maior comunidade para Sugar Daddy e Sugar Baby do Brasil

O poder do Tantra na Insatisfação Sexual Feminina

O poder do Tantra na Insatisfação Sexual Feminina

Esse é um assunto velho, estereotipado e clichê; mas que ainda aflige uma porcentagem esmagadora das mulheres no nosso pais e ao redor do mundo. Não podemos negar que a maior parcela de culpa por conta disso é dos homens, pôr não compreenderem suas parceiras; tanto em seus corpos como em suas mentes.

E essa é uma novela que todos já assistiram vezes e vezes sem fim! Além dos tão conhecidinhos problemas gerados por uma vida sexual infeliz entre o casal, onde convenhamos que são bem desagradáveis e, na grande maioria das vezes, fatais para a relação.

De casos e traições a estresse e infelicidade continua; esses são só alguns dos males que rodeiam algo tão simples como sexo, ou não tão simples assim? Bem, primeiro de tudo, é conveniente explicar, porém não justificar, o comportamento estereotipado do homem dentro da relação.

As variáveis que compõem isso vão de x a y, do oito ao oitenta, do mínimo ao máximo, mas podemos ao menos citar algumas delas como:

  • Falta de educação sexual e moral durante a criação.
  • Egoísmo; seja ele proposital ou ingênuo.
  • Ignorância, falta de informação e conhecimento.
  • Falta de interesse, de se dedicar e tentar melhorar.
  • Machismos gerais e outros.

É fazer por merecer!

O efeito em cascata é muito complexo para o analisarmos de forma concreta. Descobrir onde o problema começou é difícil, e na maioria das vezes desnecessário. Ainda assim, saiba que ele está lá, em algum lugar, mas está.

Por conta desta triste realidade, nossas guerreiras do dia a dia tentam buscar alternativas e maneiras de inovar, apimentar e melhorar as coisas na cama; seja por medo de acabarem caindo sobre os problemas já citados ou mesmo pela tentativa de reverte-los.

Ainda que nobre, a atitude é na maioria das vezes errônea e mal sucedida, já que não podemos obter uma sexualidade plena e prazerosa se não estivermos bem, ou ao menos estáveis, em todo o resto.

Sim, minhas caras! Infelizmente na vida, sexo é um bônus e não um direito (ainda que devesse ser, kkkk). Um bônus, uma consequência, uma recompensa gerada da plenitude, ou ao menos estabilidade, de todos os outros pontos de sua vida.

Se sua rotina é açoitada sobre constante estresse, com problemas na família, filhos, cachorro, trabalho, casa, e afins. Não adianta, de repente na cama, você ter a genial ideia de seguir o passo a passo de como levar seu homem a loucura com as posições do elefantinho alado do Kama Sutra! Não é assim que as coisas funcionam.

Mais uma vez, a atitude é nobre, e todos devemos começar de algum lugar, tentativa e erro são as bases para o sucesso. Além do que, ninguém é perfeito, e não se termina um relacionamento apenas porque algo nele deu errado, ainda mais se o mesmo foi construído com anos e anos de dedicação. É obvio que tentamos consertar as coisas antes de seguirmos em frente.

Se pergunte se está mesmo valendo a pena.

Mas do outro lado da moeda temos as obvias contrapartidas. Se seu cônjuge não lhe faz mais feliz, ou até mesmo nunca a fez, já está na hora de começar a repensar na vida a dois que você anda levando. Porque convenhamos; é difícil que você apenas tenha problemas com seu parceiro estritamente na cama, enquanto todo o resto é um mar de rosas.

O sexo é consequência de todo o resto, logo, se o sexo está ruim, é porque o resto também está! É claro que isso não é via de regra, mas estamos lidando com a maioria dos casos aqui. Se seu parceiro não tem o interesse de melhorar com você, de cuidar da situação ao teu lado, como um casal unido; então algo está muito errado ai, e lhe adianto que não é sexo.

Toda essa introdução foi necessária para chegarmos à conclusão de que: Infelizmente ou não, é o homem que possui a maior responsabilidade e capacidade de gerar prazer mutuo durante o ato, até porque é ele que possui o órgão introdutor e executa a penetração, porem volto a repetir; as variáveis, situações e casos são inúmeros e diversos.

O Poder do Tantra na Insatisfação Sexual Feminina.

É possível sim levar um homem inexperiente a loucura. Mas isso exige um trabalho mais árduo e pesado da parte feminina, já que para isso é necessário uma serie de conhecimentos e técnicas sexuais.

A mulher bem preparada precisa conhecer o próprio corpo, e mais, conhecer o corpo do próprio parceiro, ou ao menos o corpo do homem em geral.

Há a necessidade de explorar os pontos precisos, os toques certos, de canalizar a energia do modo correto! De forma que a mantenha duradoura, prazerosa e forte.

O Tantra dedica uma parte de sua filosofia especificamente para este fim, aflorando o desempenho sexual de um jeito absurdo. Poucos sabem que a intensidade de um orgasmo pode ser exponencialmente aumentada, liberando uma enxurrada de hormônios e substancias que não só renegaram corpo e mente, como se mantem em níveis altíssimos no sangue durante um longo período de tempo, o que torna a pratica do sexo regular algo tão poderoso quanto uma fonte da juventude ou uma formula milagrosa.

A técnica é de fato tão surpreendente que, o domínio sobre a mesma desencadeia uma lista de outros inúmeros benefícios em sua vida, situados fora contexto sexual.

Um melhor desempenho para tarefas mentais, uma aura e energia mais agradáveis e eloquentes as pessoas ao seu redor, uma perspectiva totalmente diferente para encarar os problemas e obstáculos que surgem no cotidiano e uma proteção mental que dificilmente deixa algo ou alguém lhe afetar ou abalar, seja pelo o que for.

Isso acorre porque o sexo dentro do Tantra é apenas uma pequeno estagio de um todo maior, logo, ainda que a pratica se aplique apenas no ato sexual, seu poder se estende para todo os pontos restantes.

É uma mão de vida dupla!

Ainda assim, adianto que a experiência só se torna completa quando ambos os conjugues se conectam pela energia sexual. É uma mão de via dupla, uma responsabilidade que precisa ser aceita pelo casal, e não apenas por um dos parceiros.

Por isso repense, qual é o estado do seu relacionamento, o quão saudável ele realmente está. Será que já não chegamos e um ponto complicado para retomar a paixão? Será que vale a pena? Será que de fato você está feliz com a pessoa a seu lado? Esses são fatores que devem ser avaliados por você caso as coisas tomem rumos não muito agradáveis.

Mas como eu havia citado antes, nada é via de regra. Você pode apenas estar passando por uma fase um pouco ruim, que não representa grande alarde. Talvez seu parceiro acabou adquirindo alguma disfunção, ou o trabalho pode estar consumindo a relação de forma tão sorrateira, que você nem ao menos notou que ambos estão dormindo virados um contra o outro.

As contas atrasadas também podem estar interferindo em um quadro geral, ou até mesmo sua querida mamãe pode não ser uma sogra tão amável quanto você imagina.

Se sua situação realmente foge das enfermidades mais serias, então continue buscando meios e formas de trazer o equilibro e a felicidade para seu relacionamento! O Tantra é sim um meio magnifico de se fazer isso, e já mudou a vida de inúmeras pessoas ao longo dos anos, pessoas que conheceram o Poder do Tantra na Insatisfação Sexual Feminina.

Problemas sempre vão ir e vir, eles fazem parte da vida tanto quanto um suspiro ou um bocejo. Aprender a lidar com eles é o que diferencia os rumos que tomamos, é o que gera o amor, paz e sucesso em nossos meios independente das situações. Nunca se esqueça disso, não deixe que essa mentalidade saia de sua cabeça, não fique cega ou pegue no sono diante das soluções que podem estar logo a sua frente.

E então, sentiu uma vontade de sentir o Poder do Tantra na Insatisfação Sexual Feminina? Veja o que o tantra pode fazer por você nestes vídeos gratuitos.

Diga abaixo o que achou e compartilhe com as amigas. Você deve conhecer alguém que não consegue o prazer sexual, não é mesmo?

Boa sorte, e fique bem.

468x60a

Sexo Tântrico e o Pompoarismo

 

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.